DG ARTES volta a contemplar MADEIRADiG

08.01.2020


O Festival Internacional de Música e Artes Digitais MADEIRADiG foi novamente “contemplado” pela Direcção Geral das Artes, desta feita no âmbito do programa de apoio a projetos, na programação e desenvolvimento de públicos, cujo período de candidaturas decorreu até Julho de 2019, com decisão final pronunciada em ata datada de 29 de Novembro do ano transacto, precisamente a data em que se iniciou a 16ª edição do festival fundado pela APCA em 2004.

A edição de 2019, que sofreu uma reformulação no seu formato, estendendo-se temporalmente e abrindo espaço para diversas expressões artísticas, bem como acolhendo na sua programação diversos artistas membros do sector criativo regional, foi a única candidatura apoiada no domínio dos Novos Media, havendo-lhe sido atribuída uma pontuação de 83,50% no acesso ao patamar dos 40 000,00 euros.

“Nos domínios da programação e desenvolvimento de públicos, são apoiados 17 projetos com uma verba de 500.000 Euros.”, pode ler-se na comunicação publicada no site da DGARTES, que continua: “Estes projetos, cujas atividades serão também desenvolvidas maioritariamente no território nacional, incluem ciclos, mostras, festivais, entre outro tipo de projetos de gestão da oferta cultural em determinado espaço e tempo. São apoiados 5 projetos na área da música, 3 projetos na área das artes plásticas e 3 projetos de cruzamento disciplinar, 2 projetos na área da dança e 1 projeto em cada uma das seguintes áreas artísticas: circo contemporâneo e artes de rua, fotografia, novos media e teatro.

No conjunto, contemplam-se projetos emergentes e dinamizadores do setor das artes, que contribuem para a diversidade da oferta artística no país e que promovem e valorizam a participação das comunidades, a inclusão social, as boas práticas de acessibilidade, a dimensão educativa e de sensibilização para a cultura. Dos objetivos de interesse público a alcançar, destaca-se, ainda, a valorização da pesquisa e da experimentação artísticas como práticas inovadoras do desenvolvimento e do conhecimento, enquadramento em que se situa o MADEIRADiG, evento internacional que promete voltar no final do Outono de 2020.

© 2016 APCA - Madeira